Brasanitas

Por que a tecnologia deve ser incluída na gestão de manutenção das empresas?

A gestão da manutenção é essencial para a criação de estratégias que garantam a disponibilidade e a confiabilidade das instalações, pois ela permite gerenciar, supervisionar e fiscalizar o funcionamento dos ativos de uma empresa, independentemente do segmento de atuação. Como benefício, alcança-se produtividade, lucratividade e, consequentemente, uma sensível redução de custos. Isso engloba as instalações prediais, hidráulicas, elétricas, linhas de produção, máquinas e equipamentos, sistemas de ar-condicionado, refrigeração, sistemas de incêndio e segurança, ou seja, toda a infraestrutura de uma empresa.

Além desses aspectos, outra atribuição importante é gerenciar a equipe que realiza todos os trabalhos de manutenção desde as rotinas, as inspeções preventivas, as análises preditivas, a elaboração de cronogramas, os reparos e até os relatórios.

Com a expansão da indústria 4.0, fundamentada no uso de tecnologias relacionadas à transformação digital nas empresas, ao longo dos anos, a gestão de manutenção precisou se atualizar. No entanto, a grande inovação chegou a partir da Internet das Coisas (IoT), Automação, Business Intelligence (BI), Big Data e a Computação em Nuvem.

Outros princípios da Indústria 4.0 são:

  • Análise de dados coletados em tempo real;
  • Capacidade de comunicação entre sistemas (semelhantes ou não) que podem ou não ser informatizados, o que é conhecido como interoperabilidade;
  • Uso de realidade virtual como suporte para a criação de modelos de simulação;
  • Autonomia dos sistemas para a tomada de decisões;
  • Máquinas com operação sob demanda, permitindo maior flexibilização de previsões.

Esses recursos se conectam a aparelhos e máquinas e realizam o monitoramento, a detecção de problemas, antecipam falhas e analisam o desempenho – o que faz com que os gestores tenham maior controle, além de maior assertividade, já que são acionados apenas quando há irregularidades. Com a automatização e a interconexão de sistemas, os gestores têm em suas mãos dados atualizados e em tempo real para realizar menos inspeções, poucos reparos e assim utilizar menos recursos humanos e de peças, o que acaba gerando uma economia.

O Brasil ainda está engatinhando nesse cenário. Segundo dados divulgados pelo SENAI do Projeto Indústria 2057, 21,8% das empresas do país devem adotar a Indústria 4.0 nos próximos dez anos (o percentual hoje é de 1,6%). 15,1% já têm projetos em execução, 45,6% estão realizando estudos iniciais ou têm planos aprovados e 39,4% não têm nenhuma ação prevista.

Mas vale a pena esse investimento?

As vantagens são inúmeras e vão desde economia de tempo, energia e recursos naturais até o aumento da produtividade, da segurança e da transparência, além da possibilidade da tomada de decisões estratégicas de forma mais assertiva. Mas podemos resumir os benefícios dessa inovação em quatro tópicos:

  • Maior previsão de falhas: é possível prever falhas e quebras com antecedência, evitando que aconteçam. Assim, passa-se a desconsiderar as possibilidades de falhas funcionais.
  • Elevação da produtividade da equipe: estima-se que a produtividade de um técnico de manutenção seja de 12% a 25% (segundo dados do SEBRAE), pois ele tem interrupções de atividade, deslocamentos, tempo gasto obtendo ferramentas, instruções e tempo de ociosidade – tudo isso pode ser reduzido com o uso de tecnologia.
  • Redução de custos de manutenção: estima-se uma redução de até 40% nos custos de manutenção e de até 20% no consumo de energia.
  • Capacitação e desenvolvimento da equipe: a Indústria 4.0 tem como princípio a educação continuada, ou seja, uma atualização constante e interativa, tornando a equipe cada vez mais técnica e especialista.

E como colocar em prática?

É necessário integrar tecnologias ao planejamento e controle de manutenção, o que garantirá maior performance e um diferencial competitivo. É possível contar com uma empresa que já tenha um sistema de gestão integrado com monitoramento por indicadores.

A Infralink tem como um de seus pilares a inovação tecnológica constante e continuada. Oferecemos um sistema informatizado de gestão de manutenção que viabiliza o gerenciamento e o controle por meio de tecnologia QR Code, melhorando a produtividade operacional com acompanhamento em tempo real por meio de um dashboard intuitivo. Além disso, disponibilizamos uma central de monitoramento que atua 24 horas por dia, 7 dias da semana, para assistência remota à equipe operacional, monitoramento de equipamentos e instalações proporcionando maior previsibilidade da necessidade de manutenção e controle de chamados.

Nossa equipe especializada está preparada para desenvolver soluções personalizadas, mediante a necessidade de cada empresa, segmento e demanda. Entre em contato e conheça as soluções que podemos oferecer para a sua empresa.

Acesse o Portal Praxxis

Preciso fazer uma cotação

Preencha nosso formulário e faça sua cotação de forma rápida e segura.

Quero fazer uma denúncia, reclamação ou elogio

Para sugestões, dúvidas, reclamações ou denúncia, preencha nosso formulário de forma segura e sigilosa. Prontamente será analisado e respondido.

Quero Trabalhar

Se você deseja trabalhar em um dos maiores grupos de facilities services do país, deixe seu currículo conosco e boa sorte!

Quero ser fornecedor ou parceiro

Se você deseja ser nosso parceiro de trabalho ou fornecedor na prestação de serviços ou produtos, preencha o nosso formulário e em breve aguarde nosso contato.